sexta-feira, novembro 27, 2020

PINTORA Dona Gelsinger - Inverno


 
Dona Gelsinger nasceu em Phoenix , Arizona, EUA. Na década de 1960, viveu, perto de Los Angeles, CA. O seu pai era professor, diretor e administrador de uma escola e a sua mãe era uma enfermeira e chefe do departamento de enfermagem.


PINTORA Dona Gelsinger

PINTORA Dona Gelsinger







O seu amor pela arte surgiu mal ela foi capaz de agarrar um lápis. Durante horas a fio sentava-se a ver o seu avô pintar. Ficava encantada e ia aprendendo com a mestria do avô. Formou-se pela Universidade do Estado da Califórnia, com um Bacharelado em Arte.







Com o apoio e incentivo da sua família, Dona montou mais tarde um estúdio na sua casa e começou a pintar retratos e ilustrações. Através de anos de trabalho duro e determinação, a sua obra está licenciada em centenas de produtos de qualidade que vão desde tapeçarias , cartões, sacos de presente e caixas , tecidos, calendários e toda uma série de outros produtos. 






Para conhecer melhor a arte desta brilhante pintora poderá visitar o seu site pessoal: www.DonaGelsinger.com
 
 

segunda-feira, novembro 23, 2020

Apreciando os Lobos através da Pintura


Artista: Nadia Strelkina


No reino dos ...

LOBOS



Artista: Jerry Gadamus

Artista: Joseph Hautman

Artista: George Kovach

Artista: Buster Allford

Artista: Mark Keathley

Artista: Robert Richert

Artista: Rosemary Millette

Artista: Eric Wilson

Artista: M. Pettis

Artista: Mark Keathley

www.wallpapermania


"A arte é uma harmonia paralela à natureza." Paul Cézanne



domingo, novembro 15, 2020

Mercados Noturnos do PINTOR Petrus Van Schendel




Petrus Van Schendel (1806-1870) foi um pintor holandês-belga no estilo romântico que se especializou em cenas noturnas, iluminado por lâmpadas ou velas. Isso o levou a ser conhecido como "Monsieur Chandelle". 




A conselho de um amigo da família, que era oficial do exército aposentado, o seu pai enviou-o para estudar na Academia Real de Belas Artes de Antuérpia. Petrus estudou lá de 1822 a 1828 com o pintor de história Mattheus Ignatius van Bree, e recebeu ao formar-se uma medalha de ouro por "Perspectiva".




Foi considerado um grande pintor de retratos, mudou-se frequentemente, vivendo em Breda (1828-29), Amsterdão (1830-32), Roterdão (1832-38) e Haia (1838-45). Participou regularmente na Exposição de Mestres Vivos e nos vários "Salões Trienais" de Antuérpia, Bruxelas e Ghent. Em 1834, foi nomeado membro da Academia Real de Belas Artes de Amsterdão.




Em 1845, estabeleceu-se permanentemente em Bruxelas. O seu estúdio foi dividido num espaço bem iluminado onde ele pintava, e um espaço escuro onde os seus modelos posavam. Ganhou várias medalhas em exposições em Paris e Londres no final da década de 1840. Em 1845 foi premiado com a medalha de ouro na exposição de Bruxelas. Algumas das suas obras foram compradas pelo rei Leopoldo I. Petrus ambém publicou livros didáticos sobre perspectiva e expressão facial.




Pintou cenas bíblicas e paisagens, iluminadas pela lua, bem como suas obras de género e retratos tradicionais. Muitas de suas pinturas também foram feitas como desenhos de tinta e feitas em xilogravuras. Em 1869, ele criou algumas pinturas experimentais iluminadas por lâmpadas de arco elétrico.

Foi casado três vezes e teve quinze filhos, treze com a sua primeira esposa, Elisabeth. Morreu em Bruxelas em dezembro de 1870.




Texto explicativo: Wikipedia

sexta-feira, novembro 06, 2020

As incríveis esculturas dos jardins de Bruno Torfs




Um passeio virtual pelos maravilhosos jardins e arte de Bruno Torfs.





Nascido na America do Sul, Bruno Torfs ainda jovem muda-se com os pais para a Europa. Anos mais tarde, já casado e com filhos decidiu viajar e instalar-se na Austrália com a sua familia, para dar vida e forma a um sonho, o de criar um jardim especial, um jardim com esculturas executadas por si.




Em Melbourne encontrou o lugar perfeito, uma pequena aldeia vitoriana em Marysville. As belissimas florestas sub-alpinas dos arredores foram o cenário ideal para o plano de Bruno e, felizmente, a propriedade que ele comprou tinha anexada uma grande parte da floresta tropical. 




Num ambiente de floresta exuberante criou uma colecção de personagens feitas de argila completamente inesquecíveis.





O seu jardim foi aberto ao público após cinco meses de árduo trabalho, tendo começado apenas com 15 esculturas de terracota. 




Também na propriedade foi criada uma galeria que abrigava mais de 200 obras de arte, que incluíam pinturas a óleo, desenhos e outras esculturas mais pequenas. 




As esculturas de terracota encontravam-se disseminadas por todo o lado, fundindo-se na natureza. A exposição de Bruno ia sendo regularmente acrescentada com novas peças de arte. Mais de uma centena de figuras com diferentes formas desde crianças, animais fantásticos, fadas, duendes e outros seres incríveis que pareciam ter saído dos contos de fadas, povoavam o jardim. 





Este artista criou um mundo rico de fantasia e beleza derivado da sua perspicaz imaginação e inspirado pelas suas viagens a algumas intrépidas e remotas regiões do mundo.




Infelizmente, no dia 7 de Fevereiro de 2009 um incêndio florestal abateu-se sobre o seu município, o estado de Vitória na Austrália, o que causou a perda de muitas vidas, tendo as suas esculturas e milhares de casas ficado também reduzidas a pó.





O sonho tinha de começar novamente, com a ajuda de familiares e amigos limpou o terreno, replantou árvores, a natureza foi lentamente regenerando-se e o verde voltou. Conseguiu recuperar algumas das suas obras e com a força da sua perseverança, Bruno abriu novamente o seu jardim em Novembro de 2011, bem como a nova galeria.




As obras de arte do escultor e pintor de Bruno Torfs continuam a trazer alegria e inspiração a quem se depara com elas. As suas esculturas misturam a técnica da cera com a utilização de material encontrado no próprio bosque como pedras, galhos, troncos caídos ou musgos, integrando-se assim plenamente no ambiente que as rodeia, como se dele fizem-se parte integrante desde o inicio.




A arte da fotografia aliou-se à arte de Bruno capturando a magia e beleza das suas obras para toda a eternidade. 





  Para mais informações visite o seu site pessoal: Brun’s Art


Fontes e Fotos: http://www.brunosart.com/; http://thewondrous.com/; outros net

Topo