segunda-feira, maio 08, 2017

A arte nos Relógios de Bolso




Os relógios de bolso antigos sempre me fascinaram. Lembro-me de quando ir passar férias, ver em casa do meu avô paterno, uma caixa cheia de antigos relógios que já não trabalhavam, mas que ele continuava a guardar. Adorava quando ele deixava que eu lhes pegasse podendo-os assim, observar na minha mão. Hoje vamos divagar pela beleza e arte dos relógios antigos.




O relógio é utilizado como medidor do tempo desde a Antiguidade, em variados formatos. É uma das mais antigas invenções humanas. 




Os primeiros relógios só tinham um ponteiro, o das horas, o ponteiro dos minutos apareceu no final do século 17. Eram utilizados presos à roupa ou usados numa corrente ao redor do pescoço.




O rosto do relógio não estava coberto com vidro, mas geralmente tinha uma tampa de latão articulada, muitas vezes decorativamente perfurada com grades para que o tempo pudesse ser lido sem abertura.  





Os primeiros relógios utilizados foram os relógios de bolso.




Eram muito raros e tidos como verdadeiras joias, pois poucos tinham o privilégio de ter um. Os relógios de bolso eram símbolo da alta aristocracia. 




Foi por volta de 1504, que Peter Henlein, na cidade de Nuremberga, fabricou o primeiro relógio de bolso, denominado pela forma, tamanho e procedência, de Ovo de Nuremberga. Até ao final do século, houve uma tendência para relógios de formatos incomuns em forma de livros, animais, frutas, estrelas, flores, insectos. ou cruzes. 





Os estilos mudaram a partir do século 17 e os homens começaram a usar relógios de bolso em vez de pingentes, tendo este estilo permanecido nos relógios de mulher até ao século 20. 





Para caber no bolso, a sua forma evoluiu para a forma típica pocketwatch, arredondado e achatado, sem bordas afiadas. Foi utilizado o vidro para cobrir a face do relógio por volta do inicio de 1610. 




Os relógios de bolso (ou pocketwatch) tinham, geralmente, uma cadeia em anexo, que lhes permitia ser presa a um colete, lapela ou cinto, para impedir a sua queda. Os relógios das mulheres eram normalmente mais decorativos sendo frequentemente decorados com pedras preciosas, prata ou possuindo lindos pingentes.




Até a segunda metade do século 18, os relógios eram artigos de luxo, estando altamente valorizados.





Os séculos séculos 18 e 19 foram alguns dos mais importantes períodos iniciais no design de jóias, nomeadamente de relógios.  





A era vitoriana foi a altura do romantismo, prosperidade e sentimentalismo, temas que se traduziam para os projectos de jóias do dia-a-dia.




Os relógios de bolso foram o tipo mais comum de relógio até aos relógios de pulso se tornarem populares após a I Guerra Mundial.

Fontes e Fotos: Wikipedia;email recebido; outros net.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Topo