sábado, dezembro 23, 2017

O PINTOR James Meger



James A. Meger nasceu em Minneota uma cidade localizada no estado americano de Minnesota, no Condado de Lyon.




Segundo ele, não se lembrava de uma época na sua vida em que não quisesse ser artista. A sua educação rural e o seu amor pela natureza foram as inspirações para as suas belíssimas pinturas.




O caminho do sonho à realidade nem sempre foi suave. Na faculdade, ele foi desencorajado de retratar a natureza e o realismo pelos seus professores.






Embora sonhasse sempre em pintar, James Meger foi professor entre 1973 a 1979. O ano de 1979 foi o seu ponto de viragem, só a partir desse ano é que passou a dedicar-se integralmente à pintura. Em 1980 ganhou o Minnesota State Duck Stamp Competition.




O pintor tinha como objetivo, fazer com que cada pintura sua contasse uma história. Algumas das suas obras chegaram a levar cerca de 5 meses até estarem concluídas.






Um exemplo das suas pinturas que contam a sua própria história pode ser visto em "Moonlight Sonata". James Meger a descreve assim: "Para o ouvido do espetador, o som de um lobo pode ser muito musical à sua própria maneira. Para apoiar a canção do lobo em 'Moonlight Sonata' eu conscientemente criei uma sinfonia de fundo: a simetria das árvores e do fluxo da água corrente. " 




A partir de 1982 ele adicionou o seu próprio toque especial, incluindo imagens escondidas nas suas obras de arte. Por esta razão, tornou-se conhecido como o artista que pinta "mais do que o olho encontra."






Ao longo da sua carreira trabalhou diligentemente com organizações de conservação e recebeu inúmeros prémios.

Infelizmente morreu de cancro com apenas 69 anos, em 25 de agosto de 2011.




Sem comentários:

Publicar um comentário

Topo